Orientações

94. VITILIGO:

Essa enfermidade não é contagiosa. É caracterizada com a presença de lesões cutâneas, ou seja, manchas brancas na pele que pode manifestar-se várias partes do corpo. É causada devido à ausência total ou parcial dos melanócitos, isto é, células que produzem a melanina.

Melanina é uma proteína que dá a pigmentação da pele, dos olhos e dos cabelos, e, é produzida com a presença da enzima tirosinase.

Para reposição da melanina utilize o Óleo de Gérmen de trigo, você poderá fazer aplicações (uso tópico) e ingeri-lo.

Orientações naturais:

Argila Verde:

Prepare-a com o chá da planta Cipó-Mil-Homens, e aplique sobre o baço. Faça aplicações por 30 a 45 dias consecutivos e deixe agir por cerca de uma a duas horas. Você poderá fazer uma a duas aplicações por dia. O baço localiza-se no lado esquerdo do abdome, logo abaixo das costelas. Se quiser pode fazer a aplicação da argila fazendo a circunferência em todo o corpo.

O Baço tem também a função de fornecer melanina (substância responsável pela pigmentação da pele) para propiciar a cor natural para nossa pele. Entretanto, essa função é prejudicada quando ele apresenta-se intoxicado. A aplicação de argila é fundamental para sua desintoxicação.

Mama cadela e Cipó de São João (folhas e flores):

Junte 250 gramas de cada planta, bem picadas, e deixe em maceração (descanso) por 3 a 5 dias em um litro com 70% de álcool de cereais e 30% de água (alcalina ou filtrada). Agite por algumas vezes durante o dia. Embeba um algodão com esta tintura e aplique sobre as partes afetadas (uso tópico), diariamente ou em dias alternados. Quando fizer as aplicações, não tome sol.

Ginkgo Biloba:

Ingira o chá dessa planta, sem adoçar, uma a duas xícaras durante o dia, por 45 a 60 dias. Outra ótima opção é o seu extrato seco.

Serralha (planta):

Ingerir crua, em forma de saladas ou refogada. Você poderá, também, ingerir seu chá em forma de decocção ou infusão.

Agrião Roxo (Sisybrium Nasturtium Aquaticum):

Indispensável nesse tratamento para quem quer eliminar o problema de sua vida.

O agrião roxo é utilizado no combate ao vitiligo, seu consumo constante pode eliminar as lesões cutâneas e normalizar a tonalidade da pele.

Comer por inteiro (inclusive os talos) constantemente antes do almoço e do jantar, sempre em forma de salada. Outra opção é o seu suco, prepara-se utilizando 100 gramas da planta (por inteiro) e um copo de água, bater bem no liquidificador e ingerir sem coar. Não adoçar em  hipótese alguma.

Vitamina B9 (ácido fólico):

Brócolis, couve-flor, cogumelos, couve, alcachofra, alho porró ou poró (allium porrum), tomate, folhas de nabo, rúcula, farelo de aveia, gérmen de trigo, feijão preto, sementes de girassol, levedo de cerveja, abacate, caju, pitanga, banana.

A título de curiosidade saiba que um copo de cerveja tem cerca de 900 microgramas de ácido fólico, ou seja, vitamina B9, entretanto, o álcool inibe totalmente a sua absorção.

Vitamina B12 (cobalamina):

Fígado de boi, salmão, carne de vaca, iogurte natural, uva.

Vitamina C:

kiwi, mamão, goiaba branca, melão, cenoura, caju, caqui, agrião.

Cenoura (utilize preferencialmente à orgânica): Centrifugue-a. Ela tem efeito sobre a reposição da melanina e de nossa cor. Você poderá, diariamente, beber um copo. Se preferir, poderá adoçar, levemente, com mel. Na falta de uma centrífuga, você poderá preparar sob a forma de suco. Pode-se beber constantemente. Se for cozinhar a melhor forma é no sistema a vapor, dessa forma se preserva todas as suas propriedades.

Pêssego:

Beba um copo do suco pela manhã, em total jejum. Alimente-se 20 minutos depois. Você não poderá adoçar. Utilize dois pêssegos para um copo de água. Remova a pele e bata no liquidificador. Beba imediatamente. Você poderá bebê-lo durante 30 a 45 dias.

Água:

Priorize a água alcalinizada.