A Trofoterapia

Os alimentos que ingerimos  são digeridos e, até o intestino, absorvidos pela corrente sanguínea. Os elementos nutritivos essenciais são conduzidos às células de todo o corpo, onde o trabalho de manutenção é feito pelo metabolismo.

A célula tem a capacidade  de regenerar-se, desde que receba os ingredientes adequados através de uma nutrição adequada; caso contrário, ela se atrofia e escapa ao controle. Unidade básica da vida, onde o metabolismo se processa, a célula necessita de aminoácidos, vitaminas naturais, minerais orgânicos, ácidos graxos ou gordos, carboidratos não refinados e vários outros fatores ainda desconhecidos, mas supostamente naturais.

Os minerais orgânicos e as vitaminas são encontrados em proporções  equilibradas nos alimentos naturais. Ainda que em si mesmas não sejam nutrientes, as vitaminas são substâncias das quais o corpo depende para fazer uso dos alimentos que ingere. Elas são parte de um todo inter-relacionado e extremamente complexo.

Ao se falar de “proporções equilibradas”, fica implícito que todos os nutrientes usados pelos tecidos devem ser simultaneamente fornecidos às células. Além disso, as vitaminas essenciais a boa nutrição e à saúde devem ser naturais. Há uma grande diferença entre vitaminas naturais e sintéticas – não uma diferença química, mas sim biológica – e, justamente por isso, há algo ausente e inoperante nos produtos artificiais.

Ainda que não inteiramente aceito, esse fato foi demonstrado de modo evidente pelo trabalho do Dr.Ehrenfried Pfeiffer, um bioquímico e seguidor do grande naturalista Rudolf Steiner.

Outro estudioso do assunto, o Dr.Nichols, acha que as técnicas de Pfeiffer podem revelar exatamente porque os alimentos naturais contendo vitaminas, minerais e enzimas  - substâncias de origem vegetal ou animal que também ativam reações químicas -, são superiores aos cultivados e preservados com agentes artificiais.

Exemplo de alguns problemas de saúde e os respectivos alimentos indicados para prevenir e combater.

Para estes dois últimos casos veja matéria especifica no livro “As 60 frutas e seus benefícios medicinais” – autor Hilton Claudino.